Arquivo da categoria: 366

Um Sábado diferente

Fui a uma aula de Step coreografado. Nunca na vida tinha feito tal coisa.

Fiquei com tantas dores nos gémeos que acho que devia arranjar aulas destas mais perto e mais vezes…

Mas esta foi especial. Foi para ajudar uma associação de animais, o NAAAS. O pagamento era um saco de ração!

Fiquei toda baralhada com a coreografia, mas valeu a pena pela companhia e por ir ajudar e porque me diverti!

Só outro dia.

Supostamente o meu telemóvel que foi para arranjar no dia 29 no mês passado, deveria voltar para mim no Domingo (são 30 dias não diz que são úteis). Mas não acredito que venha. Mas estou farta de não ter telemóvel de jeito. Não poder ir ao facebook ou ao whatsapp ou não poder ir à wikipédia pesquisar algo rápido ou saber o horário dos comboios é muito irritante.

 

Arranjar o carro

Na sexta, quando fui ao cinema, fui eu que fui buscar o meu ex-namorado a casa para irmos para o cinema. E ele reparou que o travão de mão estava muito em cima. Então combinámos no Domingo ele arranjar-me isso.

E pronto, hoje, depois de ter visto os meus ex-gatos, lá fomos nós arranjar aquilo.

Estava um dia lindo, de sol… mas no momento exacto em que saímos… trovoada e chuva de pedra!

Foi lindo. Fomos a correr para o carro, ele teve de estar apertadíssimo para conseguir pôr o travão de mão como deve de ser, mas realmente agora está super fixe!

O carro já trava!

Anos da Mana

Hoje a Mó fez anos. Levantei-me bem cedinho porque tinha de lhe fazer o bolo (brigadeiro). Fiz bolo e fiz mini croquete, assim como o almoço. Era suposto estar desapachada às 14:30 para ir para casa da prima onde ia ser a festa. Mas o meu pai disse que me dizia algo quando saíssem, para eu sair na mesma altura.

Pois. Às 15:30 ainda não havia notícias. Liguei, ninguém me atendeu. 1 hora depois, voltei a ligar: “ah, ainda estamos em casa, quando sairmos eu aviso-te”. Eram 18:30! 18:30 quando eles finalmente saíram.

Odeio ser a única pessoa que cumpre horários do lado da família do meu pai… Desperdicei uma série de  horas que podia ter estudado ou qualquer outra coisa importante porque estava à espera…

Mas pronto, a “festa” foi muito gira e eles adoraram o meu bolo e os meus mini croquetes e andámos feitas malucas (eu, as manas, uma amiga da mana mais nova e duas primas) a dançar coreografias com recurso a vídeos do youtube num espaço mínimo.

E assim a minha mana mais nova já tem 10 anos.